Siga

Siga por Email

domingo, 15 de junho de 2014

REINTRODUÇÃO DE ANIMAIS SILVESTRES – SAIBA COMO PROCEDER AO ENCONTRAR FILHOTES DE GAMBÁS ÓRFÃOS

Por Fernanda Ferreira
Médica Veterinária
CRMV-RJ 12111




Com o crescimento da área urbana e o crescente desmatamento para a construção, se torna cada vez mais comum o aparecimento de animais silvestres em nossas casas e arredores, principalmente gambás e saguis, que acabam se aproximando em busca de comida. 
E quando não encontram frutas, são atraídos pela ração que deixamos para nossos cães e gatos.
O maior problema é que gambás são animais lentos, que possuem um mecanismo de defesa que consiste em se fingirem de mortos, o que geralmente desestimula o predador. Mas nem sempre isso acontece, e eles acabam sendo mortos pelos nossos animais. Muitas vezes são mães com a bolsa cheia de filhotes, que ficam agarrados nas tetas mamando o máximo que podem.
Mas o que fazer com esses filhotes? Como salvá-los? Como alimentá-los?
Nosso primeiro impulso é dar leite. Mas o que a maioria das pessoas não sabe é que gambás não podem ser alimentados com leite comum. Isso porque a lactose presente no leite, além de causar diarreia, se acumula na retina, formando um depósito, e isso leva à cegueira.
Por isso, quando achar um filhote de gambá, NUNCA DÊ LEITE COMUM!! APENAS LEITE SEM LACTOSE!! Recomendo o PET MILK SEM LACTOSE (comprado em pet shop), de preferência, ou o leite NAM SEM LACTOSE (comprado em farmácia). Tem gente que usa leite de soja, não é o ideal, por não conter todas as vitaminas, mas é melhor do que usar leite comum. A alimentação deve ser feita a cada 3 horas, o quanto o animal aceitar. Geralmente não é muito, é só notar a barriguinha cheia e ele vai recusar o leite. Dificilmente eles se alimentam sozinhos, pode ser necessário o auxílio de uma seringa de 1mL, mamadeira ou conta gotas. Após a alimentação, a genitália deve ser estimulada com auxílio de algodão, até a saída de urina e fezes, que são pastosas nessa idade.
Se o filhote apresentar dentinhos, podemos começar a fornecer frutas na alimentação. Pode ser fruta amassada, picada em pequenos pedaços, ou junto com o leite, como uma vitamina. O ideal é começar a fornecer frutas o quanto antes, e ir tirando o leite. Mas o filhotinho irá precisar de uma fonte de proteína. Gosto muito de dar ovo, pode ser cru, batido com uma pitadinha de sal e um pouquinho de mel, ou cozido. Ração de cachorro ou gato é muito bom, mas compromete a soltura do animal depois, pois ele se acostuma a comer ração, e corre o risco de ser pego por um cachorro ou gato depois.
Independente da idade, o filhote vai necessitar de 10-15 minutos de sol por dia, nas horas mais frescas do dia. Isso é fundamental para a absorção do cálcio pelos ossos, contribuindo para seu desenvolvimento perfeito.
Filhotes não conseguem manter a temperatura corporal. Precisam ser mantidos aquecidos. Isso pode ser feito com panos, lâmpadas ou bolsa térmica envolta em um pano (nesses dois últimos, cuidado para não queimar o animal).
É importante ressaltar que o animal deve ser manuseado o mínimo possível. Deve haver contato apenas para alimentar e trocar o jornal. Isso é fundamental para que o filhote não se apegue a você e fique arisco, estando apto a ser solto posteriormente.
Conforme ele for se desenvolvendo, é interessante ir aumentando os pedaços de frutas e ir deixando a casca para que ele aprenda a se alimentar de forma mais independente. Outra coisa interessante para se fazer é estimular o hábito de escalar. 
Essa é a vantagem de deixar o filhote em uma gaiola. Mas se for possível colocá-lo para subir em árvores e ter contato com a natureza, isso deve ser feito, pois o animal irá se acostumar com o cheiro e a textura do galho.
O animal só deve ser solto se estiver comendo sozinho, e estiver arisco (geralmente, ficam bem assustados, abrem a boca quando chegamos perto pra trocar o jornal e alimentar), com cerca de 2 meses de idade ou pelo menos um palmo de tamanho sem contar a cauda. Essa soltura deve ser feita em um local com bastante mata fechada de preferência, com árvores frutíferas e córrego de água.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Bixo Aki agradece pelo seu comentário, sua opinião é muito importante para nós.
Comentários que contém ofensas e palavrões não serão
aceitos.Por isso reflita antes de fazer qualquer comentário que poderá testemunhar contra você.