Siga

Siga por Email

sábado, 24 de abril de 2010

Que tal usar a imaginação e fazer um mini bicho?

Os primeiros invertebrados terrestres eram muito parecidos com os de hoje.
Entre os mais antigos estão os escorpiões e ácaros e graças aos fosseis que foram encontrados através de várias pesquisas arqueológicas podemos saber há quanto tempo eles existem. A principal teoria sobre o aparecimento desses animais diz que eles evoluíram a partir de animais semelhantes aos vermes que viviam nos oceanos.
Com o passar do tempo eles criaram pernas e segmentos corporais e passaram a se locomover na terra. Se multiplicaram na terra e sobreviveram porque produziam filhotes em grande quantidade e com isso a espécie deu continuidade através de séculos e séculos.
Abaixo vamos saber sobre um animal muito interessante: o piolho de cobra.

O Piolho-de-cobra é um milípede (Diplopoda do filo dos Artrópodes), atinge um tamanho de 15 cm e habita de preferência lugares úmidos - embaixo de pedras e folhas mortas ou dentro de troncos apodrecidos. Se alimenta geralmente de plantas podres, excrementos de tartarugas e insetos mortos.
Ele também cava tocas e são menos agressivos do que as centopéias.
Possuem corpo cilíndrico e em cada segmento existem dois pares de pernas.
Certas espécies chegam a ter 400 pernas. O piolho do Quênia utiliza 50 pernas para cada passada e se ele desejar andar mais depressa usa apenas 10 pernas ao mesmo tempo.
Ele é composto por segmentos articulados que ajudam a locomover-se com flexibilidade.
Sua carapaça é dura e quando ele sente-se ameaçado enrola-se formando um circulo.
Se você desejar contar quantas pernas este animal tem basta contar quantos segmentos e multiplicar por quatro. Cada segmento comporta quatro perninhas.
Não são venenosos, mas arrastam consigo resíduos de onde passam.Por isso todo cuidado é pouco principalmente se este animal passou no meio do esgoto e em locais onde tem fezes de ratos.

Para fazer esse bichinho de papel marchê basta ter o seguinte material em mãos:

- Jornais velhos
- cola de papel de parede
- um palito de fósforo usado
- tesoura de pontas redondas
- fio encapado
- rolo de barbante
- tintas para pintar
- cartolina vermelha









Esse animal no papel é muito bonitinho mas vejam nesta matéria abaixo
o que eles podem fazer.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Bixo Aki agradece pelo seu comentário, sua opinião é muito importante para nós.
Comentários que contém ofensas e palavrões não serão
aceitos.Por isso reflita antes de fazer qualquer comentário que poderá testemunhar contra você.